Digital inclusion in field schools

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v10i5.14819

Keywords:

Computer lab; Rural education; TICs; Educational policies.

Abstract

The present article seeks to understand how computer labs are used and the use of Information and Communication Technologies (TICs) in schools in the countryside of the 17th Regional Education Coordination of the State of Rio Grande do sul. Therefore, its general objective is to analyze how ICTs through the Educational Informatics Laboratories (LIES) are being used as pedagogical support tools in schools in the countryside. Sixteen rural schools were researched. For the development of the research, the case study was sought as a methodological contribution, using questionnaires applied to everyone involved in the process as the data collection instrument, namely: school management team, educators and students, in addition to bibliographic research that sought to understand how the national educational technology program launched by the federal government in 1997 was consolidated, with regard to the implementation of computer labs in schools. The results found point out that there is still a need for training for educators to implement in their pedagogical practices the use of the resources available in the LIES and also the need to maintain the equipment provided by the government.

References

Arroyo, Miguel G (2013b). Outros sujeitos, outras pedagogias. Vozes.

Bielschowsky, C. E. (2009). Tecnologia da Informação e Comunicação das Escolas Públicas Brasileiras: o programa PROINFO integrado. Revista e -curriculum, São Paulo, 5(1), 1-35. http://portaldoprofessor.mec.gov.br/storage/materiais/0000011606.pdf

Bierhalz, C. D. K., Medeiros da Fonseca, E., & de Vargas Oliva, I. (2019). Concepções dos estudantes de uma escola do campo sobre tecnologia. Revista Brasileira De Educação Do Campo, 4, e3297. https://doi.org/10.20873/uft.rbec.v4e3297

Brasil. (1996). Lei n.º 9.394/96. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Ministério da Educação. Brasília. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional – LDB – de 1996. http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm

Brasil. (2007). Decreto nº 6.300. Dispõe sobre o Programa Nacional de Tecnologia Educacional - ProInfo. Diário Oficial da República Federativa do Brasil. Brasília, DF, 13 dez. 2007. http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato20072010/2007/Decreto/D6300.htm

Castells, Manuel. (2000). A era da informação: economia, sociedade e cultura. In: A Sociedade em rede. Paz e Terra, v.1.

Coutinho, Clara & Lisboa, Eliana. (2011). Sociedade da Informação, do conhecimento e da aprendizagem: desafios para educação no século XXI. Revista Educação, Vol. XVIII, nº1.

Gil, A.C. (2008). Métodos e Técnicas de Pesquisa Social. Atlas. http://www.educacao.rs.gov.br/17-cre-santa-rosa

Kenski, V. M. ( 2008). Educação e tecnologias o novo ritmo da informação. 4ª Ed. Papirus.

Kenski, V. M. (2007). Educação E Tecnologias. Coleção Papirus educação, Papirus Editora.

Lévy, P. (1998). A máquina universo: criação, cognição e cultura informática. Artmed.

Oliveira, B. C. M. (2009). A sala de informática em uma escola do campo: concepções e práticas da comunidade escolar. Dissertação apresentada ao Programa de Pós- Graduação – Mestrado em Educação. Universidade Católica Dom Bosco, Campo Grande/ Mato Grosso do Sul.

ONU. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento. (2001). Tradução de Alexandre Abreu et al. Relatório do desenvolvimento humano 2001: novas tecnologias e desenvolvimento humano. Lisboa: Trinova.

pid=S0100-19652003000100004&script=sci_abstract&tlng=pt

Rocha, M. I. A. (Org). (2009). Licenciatura em Educação do Campo: Histórico e projeto político-pedagógico. Educação do Campo, desafios para a formação de professores. Autêntica Editora.

Schnell, R. F. (2009). Formação de professores para o uso das tecnologias digitais: um estudo junto aos núcleos de tecnologia educacional do Estado de Santa Catarina. 103 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Centro de Ciências Humanas e da Educação, Universidade do Estado de Santa Catarina, Florianópolis http://www.dominiopublico.gov.br/pesquisa/DetalheObraForm.do?select_action=&co_obra=164307

Souza, Maria Antônia de. (2006). Educação do campo: propostas e práticas pedagógicas do MST. Vozes.

Published

30/04/2021

How to Cite

SCHOSSLER, A. B. .; MEDEIROS, L. M. .; PAPROSQUI, J. .; GERMANI, A. R. M. .; FOLMER, I. . Digital inclusion in field schools. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 5, p. e44710514819, 2021. DOI: 10.33448/rsd-v10i5.14819. Disponível em: https://www.rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/14819. Acesso em: 30 jan. 2023.

Issue

Section

Education Sciences