A short literature review of exergy in refrigerators

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v11i2.24026

Keywords:

Efficiency; Energy; Exergy; Refrigerators; Thermodynamics.

Abstract

Energy, presented in various forms, is of fundamental importance to the development of mankind, and its correct understanding for the potential with subsequent conversion to assist in work activities has always been a challenge and motivation for the brightest minds. Therefore, it is essential to investigate ways to improve the efficiency in the use of energy resources, especially exergetic analysis, which has been applied since the 1970s, in order to find more rational use of energy, and, at the same time, reduce the consumption of fossil fuels and transforming the application of energy efficiency. In this context, the present paper aims to perform a literature review on exergy in refrigerators. It was verified that the objective of the work was met, since it was presented 9 studies that verified the energy efficiency through exergy in refrigerators. It was found that there are few studies in the Brazilian literature, presenting itself as a lack.

References

Albuquerque, C. E. S. (2017). Avaliação do comportamento energético e exergético de um sistema de refrigeração por compressão de vapor. estudo de caso: resfriamento e congelamento de banana. 2017. 150 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Mecânica) –Universidade Federal Campina Grande.

Araujo, A. A. Q., Nascimento, R. S., & Oliveira, R. (2019). Exergia e meio ambiente. IN: Anais do cCngresso Brasileiro de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, 7 (1), 401-406.

Assunção, G. H., Reis, M. A. A., & Abreu, M. C. S. (2016). Disgrafia, discalculia e dislexia: suas implicações na educação infantil. Linha de Pesquisa: 5ª-Estudos Culturais e Linguagens na Educação, 748.

Bayrakçi, H. C., & Özgür, A. E. (2009). Análise de energia e exergia de sistema de refrigeração por compressão de vapor usando refrigerantes de hidrocarboneto puro. International Journal of Energy Research, 33 (12), 1070-1075.

Cardano, M. (2017). Manual de pesquisa qualitativa. a contribuição da teoria da argumentação. Tradução: Elisabeth da Rosa Conill. Petrópolis, Vozes.

Çengel, A. Y., Boles, M. A. (2015). Properties of pure substances. Thermodynamics: an engineering approach, 111-162.

Fria, P. R. (2014). Uma avaliação das metodologias de desagregação da exergia física para a modelagem termoeconômica de sistemas. Dissertação de Mestrado - Universidade Federal do Espírito Santo.

Gil, A. C. et al. (2002). Como elaborar projetos de pesquisa. Atlas.

Gonçalves, L. C. C., & Gaspar, P. D. (2011). Energia, entropia, exergia. IN: Congresso Internacional de Engenharia, 1 (1)1-12.

Heidinger, G. G. (2018). Estudos experimentais de análise do desempenho termodinâmico e eficiência energética de equipamentos de refrigeração em climas tropicais. 2018. 221f. Tese de Doutorado (Engenharia Mecânica) - Universidade da Beira Interior, Covilhã

Jantar, I, & Rosen, M. (2012). Exergia: energia, meio ambiente e desenvolvimento sustentável. Newnes.

Jones, W. P. (2007). Engenharia de ar condicionado. Routledge.

Köche, J. C. (2016). Fundamentos de metodologia científica. Editora Vozes.

Lakatos, E. M., & Marconi, M. A. (2017). Metodologia do trabalho científico. (8a ed.), Atlas.

Lugo-Leyte, R. et al. (2013). Análisis de costos de operación exergoeconómicos a un ciclo teórico de refrigeración por compresión de vapor usando hfc-134a. Revista Mexicana de Ingeniería Química, 12 (2), 361-370.

Miranda, S. F. T. M. (2017). Análise termodinâmica de um refrigerador funcionando com diferentes fluidos refrigerantes sintéticos. 2017. 52f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Mecânica) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Nikolaidis, C., & Probert, D. (1998). Análise pelo método de exergia do desempenho de instalações de refrigeração por compressão de vapor em dois estágios. Energia Aplicada, 60 (4), 241-256.

Oliveira Junior, S. (2012). Exergia: produção, custo e renovabilidade. Springer Science & Business Media.

Praça, F. S. G. (2015). Metodologia da pesquisa científica: organização estrutural e os desafios para redigir o trabalho de conclusão. Revista Eletrônica Diálogos Acadêmicos, 8(1), 72-87.

Santos, H. C., & Costa Filho, M. A. F. (2008). Análise termodinâmica de um equipamento de dupla função: refrigerador e bomba de calor. IN: Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 5(1), 1-10.

Santos, J. A., & Parra Filho, D. (2012). Metodologia Científica. IN: Faveni.

Silva, S. C., Junior, E. C., & Costa, A. (2012). Conceitos fundamentais da propriedade termodinâmica exergia e exemplos de aplicação para análise de processos reais. Enciclopédia Biosfera, 8(15).

Silva, S. R. et al. (2018). Aplicação da propriedade termodinâmica exergia na avaliação de processos de produção de etanol lignocelulósico: uma revisão. Revista Virtual de Química, (5).

Souza, G. D. G. (2020). Otimização exergética de sistema de refrigeração por absorção. 87 f. Dissertação de Mestrado (Fenômenos de Transporte e Mecânica dos Sólidos) - Universidade Federal do Paraná, 2020.

Tirandazi, B. et al. (2011). Análise exergética de ciclos de refrigeração de centrais de recuperação c2 +. Pesquisa e Projeto de Engenharia Química, 89 (6), 676-689.

Toigo, E. (2017). Desenvolvimento do projeto de uma bancada didática de refrigeração por compressão de vapor. 79 f. Trabalho de Conclusão de Curso - Universidade de Caxias do Sul.

Xu, X., & Clodic, D. (1992). Análise de exergia em um sistema de refrigeração por compressão de vapor usando r12, r134a e r290 como refrigerantes. IN: International Refrigeration and Air Conditioning Conferenc, 1-11.

Yumrutaş, R., Kunduz, M., & Kanoğlu, M. (2002). Análise exergética de sistemas de refrigeração por compressão de vapor. Exergy, Um Jornal Internacional, 2(4)266-272.

Published

18/01/2022

How to Cite

NÓBREGA, J. C. da S.; SILVA, S. K. B. M. da .; ALBUQUERQUE, T. da N. .; SOUZA, A. C. P. de .; VIEIRA, C. M. da S. .; MENDONÇA, A. M. G. D. .; NASCIMENTO, J. J. da S. . A short literature review of exergy in refrigerators. Research, Society and Development, [S. l.], v. 11, n. 2, p. e5111224026, 2022. DOI: 10.33448/rsd-v11i2.24026. Disponível em: https://www.rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/24026. Acesso em: 4 mar. 2024.

Issue

Section

Engineerings