Intervention and management of anxiety in students of the integrated high school

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v9i10.6457

Keywords:

Anxiety; Integrated high school; Cognitive behavioral therapy; Integral human formation; Teaching.

Abstract

The Federal Institutes of Education, Science and Technology, implemented in 2008, integrate professional education and high school based on the ideal of Full Human Formation of the subjects. In this sense, the present work has as object of study the anxiety in students of the Integrated High School of a Federal Institute of Education. Recent research addresses the methodologies, extensive workload and curriculum structure as possible contributors to anxiety disorders in adolescent students of Integrated High School. In this way, this research sought to identify the results of an Intervention Group, based on Cognitive-Behavioral Therapy (CBT), for the Management of anxiety in students of Integrated High School. This is a cross-sectional, quantitative study. The Hamilton anxiety assessment scale - HAM-A was used as an instrument for data collection and evaluation of the intervention performed. Twelve students from Integrated High School at IFNMG - Campus Januária participated in psychoeducational activities, cognitive restructuring and behavioral changes. As a result of this research, it was concluded that the Anxiety Intervention and Management Group was efficient in reducing the anxiety level of 92% of the participants. As a suggestion for future work, it is suggested the creation of a standard intervention protocol for anxiety disorders in EMI students, to be used by school psychologists, in order to promote emotional support to students in this teaching modality and, consequently, contribute to the well-being, learning, mental health and comprehensive human education of these students.

Author Biographies

Dalila Pereira Soares, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais

Mestra em  Educação Profissional e Tecnológica  pelo Programa de Educação Profissional e Tecnológica do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais - IFNMG - Campus Montes Claros - ProfEPT

Psicóloga do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais - Campus Januária.

Rosiney Rocha Almeida, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais

Docente do Programa de Mestrado em Educação Profissional e Tecnológica do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais - IFNMG Campus Montes Claros.
Docente da EPCT do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais - IFNMG Campus Montes Claros.

References

Batista, M. A., & Oliveira, S. M. S. S. (2005, julho, dezembro). Sintomas de ansiedade mais comuns em adolescentes. Psic – Revista de Psicologia da Vetor Editora, São Paulo, 6(2), 43-50.

Beck, J. S. (2013). Terapia cognitivo-comportamental: teoria e prática. Porto Alegre: Artmed.

Clark, D. A., & Beck, A. T. (2012). Terapia cognitiva para os transtornos de ansiedade: ciência e prática. Porto Alegre: Artmed.

Cymrot, R., Manin, I. J., & Lara, L. S. (2010). Metodologia para implantação de um laboratório de Minitab, por meio da utilização de dados reais obtidos em leitura de artigos científicos. In: Anais do XXXIV Cobenge. Passo Fundo: Ed. Universidade de Passo Fundo. Disponível em: http://www.abenge.org.br/cobenge/arquivos.

Feitosa, H. N., Ricou, M., Rego, S., & Nunes, R. (2011, janeiro, abril). A saúde mental das crianças e dos adolescentes: considerações epidemiológicas, assistenciais e bioéticas. Revista Bioética, 19(01). 259-275.

Filho, O. C. S, & Silva, M. P. (2013, outubro). Transtornos de ansiedade em adolescentes: considerações para a pediatria e hebiatria. Adolescência e Saúde, 10(3), 31-41.

Fonseca, J. J. S. (2002). Metodologia da pesquisa científica. Fortaleza: UEC.

Gonzaga, L. R. V., Silva, A. M. B., & Enumo, S. R. F. (2016, janeiro, março). Ansiedade de provas em estudantes do ensino médio. Revista Psicologia Argumento. 34(84), 76-88.

Kinrys, G., & Wygant, L. E. (2005). Transtorno de ansiedade em mulheres: gênero influencia tratamento? Revista Brasileira de Psiquiatria, 27(Supl II), 43-50.

Lei nº 11.892 de 29 de dezembro de 2008 (2008, 29 dezembro), Institui a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, cria os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia. Diário Oficial da União, Brasília.

Lopes, C. S., et al. (2016). Erica: prevalência de transtornos mentais comuns em adolescentes brasileiros. Revista de Saúde Pública, São Paulo, v.50. Disponível em: https://repositorio.unb.br/bitstream/10482/30020/2/ARTIGO_ERICAPrevalenciaTranstornosMentais.pdf. Acesso em 22 de Maio de 2020.

Lorenzoni, J. C. (2019) Rede de Apoio aos Estudantes: seu papel no processo de aprendizagem dos estudantes no Instituto Federal Farroupilha - Campus São Vicente do Sul. 2019. Dissertação (Mestrado em Ensino de Humanidades e Linguagens) – Universidade Franciscana - Santa Maria, Rio Grande do Sul, Brasil.

Luz, J. M. O., Murta, S. G., & Aquino, T. A. A. (2015). Programas de promoção de saúde mental em grupo para adolescentes. In: C.B. Neufeld (org.). Terapia Cognitivo-Comportamental em grupo para crianças e adolescentes. (pp. 52-71). Porto Alegre, Artmed.

OCDE, (2017). PISA 2015 Results (Volume III): Students’ Well-Being. Paris: OCDE Publishing. http://dx.doi.org/10.1787/9789264273856-en.

Oliveira, M. I. S. (2011, janeiro, junho). Intervenção cognitivo-comportamental em transtorno de ansiedade: relato de caso. Revista Brasileira de Terapias Cognitivas, Campinas, 7 (01), 30-34.

Pacheco, F. A., Nonenmacher, S. E. B., & Cambraia, A. C. (2020). Adoecimento mental na educação profissional e tecnológica: o que pensam os estudantes concluintes de cursos técnicos integrados. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica, 01(18) 1-25. DOI: 10.15628/rbept.2020.9173.

Petersen, C. S. (2011). Evidências de efetividade e procedimentos básicos para terapia cognitivo-comportamental para crianças com transtornos de ansiedade. Revista Brasileira de Psicoterapia, 13(01), 39-50.

Polanczyk, G. V., Lamberte, M. T. M. R. (2012). Psiquiatria da Infância e adolescência. São Paulo: Manole.

Secretaria nacional de juventude. (2014). Estação Juventude: Conceitos Fundamentais: Pontos de partida para uma reflexão sobre políticas públicas. Brasília: SNJ. 2014.

Shahbaba, B. (2012). Biostatistics with R: an introduction to statistics through biological data. Springer.

Soares, A. B., & Martins, J. S. R. (2010, janeiro, abril) Ansiedade dos estudantes diante da expectativa do exame vestibular. Paideia, 20(45), 57-62.

Tabaquim, M. L. M., Bosshard, C. A. G., Prudenciatti, S. M. & Niquerito, A. V. (2015, janeiro). Vulnerabilidade ao stress em escolares do ensino técnico de nível médio. Bol. - Acad. Paul. Psicol. [online].35(88), 197-213.

Published

30/09/2020

How to Cite

SOARES, D. P.; ALMEIDA, R. R. Intervention and management of anxiety in students of the integrated high school. Research, Society and Development, [S. l.], v. 9, n. 10, p. e3789106457, 2020. DOI: 10.33448/rsd-v9i10.6457. Disponível em: https://www.rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/6457. Acesso em: 24 sep. 2022.

Issue

Section

Education Sciences