Innovative nutrition: lyophilized and powdered bullfrog meat for use as a food supplement

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v9i10.7849

Keywords:

Functional food; Bullfrog meat; Protein supplement; Tecnologic innovation; Human nutrition.

Abstract

Functional foods have aroused the interest of consumers, who seek, in addition to their basic function of nourishing, additional health benefits. The high biological value of bullfrog meat, the low fat content and the bioavailability of calcium, indicate its use as a functional food. Aiming at the practicality and feasibility of conservation, especially in strategic situations, the present work aimed to develop a technique to obtain a food supplement with powdered bullfrog meat, by means of grinding, freeze-drying and spraying. The nutritional, microbiological and physical-chemical results achieved demonstrated that this technology is feasible for the realization of sustainable and economic development, since it maintained cell integrity, showing similarity with the composition of fresh bullfrog meat, in addition to expanding its use over time, for at least eight months, for human consumption, according to the quality control carried out, generating an innovative product for future industrial uses. As a functional food it will be available in more conservative forms, such as encapsulations and dry packaging. Therefore, a product was prepared with the promise of being an excellent supplement, being able to supply nutritional deficiencies by the quality of its protein, in addition to being a protein base of easy transport and consumption, with food safety.

Author Biographies

Renata Sacramento Lopes, Centro Universitário Augusto Motta

Mestre em Desenvolvimento Local, pela UNISUAM, especialista em nutrição Personal Diettitian em Clínica, Esporte e Fitoterapia pelo UBM, e em docência pela Faculdade São Luís. Coordenadora e docente do Curso Técnico Bezerra de Araújo Itaguaí. Cursando MBA Gestão Escolar _ USP ESALQ.

José Teixeira de Seixas Filho, Centro Universitário Agusto Motta

Possui graduação em Licenciatura e Bacharelado Em Ciências Biológicas pela Fundação Técnico Educacional Souza Marques (1981), mestrado em Zootecnia pela Universidade Federal de Viçosa (1990), doutorado em Zootecnia pela Universidade Federal de Viçosa (1998) e Pós-doutorado em Bioquímica/Enzimologia pelo Instituto de Biotecnologia Aplicada à Agropecuária - BIOAGRO - da Universidade Federal de Viçosa (2008). Pesquisador aposentado da Fundação Instituto de Pesca do Estado do Rio de Janeiro. Atualmente é Professor Titular do Centro Universitário Augusto Motta, Coordenou o Mestrado Multidisciplinar em Desenvolvimento Local da UNISUAM (2008-2010) onde Desenvolve pesquisas em inserção social, cadeias produtivas sustentáveis, recursos hídricos e análises socioeconômicas em populações vulneráveis. É Revisor Científico das revistas: Aquaculture (0044-8486), Aquaculture nutrition (2155-9546), Revista da Sociedade Brasileira de Zootecnia (1806-9290), Pesquisa Agropecuária Brasileira (0100-204X), Acta Scientiarum (UEM) (1415-6814), Revista Ceres (0034-737X). Tem experiência na área de Zoologia, com ênfase em Zootecnia, atuando principalmente nos seguintes temas: nutrição animal, aquacultura, ranicultura (Lithobates catesbeianus) e carcinocultura (Macrobrachium rosenbergii).

 

Sílvia Conceição Reis Pereira Mello, Empresa de Pesquisa Agropecuária do Estado do Rio de Janeiro

Doutora (2009) e Mestre (2000) em Higiene veterinária e processamento tecnológico de produtos de origem animal pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Possui graduação em Zootecnia pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). Atua na área de ensino e pesquisa sendo pesquisadora da Fundação Instituto de Pesca do Estado do Rio de Janeiro cedida a Empresa de Pesquisa Agropecuária do Estado do Rio de Janeiro. Atuou como professora e orientadora do curso de Mestrado em Desenvolvimento Local e do curso de graduação em Ciências Biológicas da UNISUAM de 2009 a 2019. Atuou em projetos de extensão como consultora de agronegócios do SEBRAE de 2000 a 2012. Tem experiência na área de aquicultura com ênfase em ranicultura, piscicultura e maricultura; ciência e tecnologia de alimentos na área de pescados e derivados, atuando principalmente nos seguintes temas: controle da produção aquicola, qualidade da matéria-prima, polpa de pescado, carne mecanicamente separada, programas de qualidade, BPF e APPCC. Desenvolve projetos na área de educação ambiental com ênfase a preservação de recursos hídricos.

Eliane Rodrigues, Empresa de Pesquisa Agropecuária do Estado do Rio de Janeiro

Possui graduação em Farmácia (1977), mestrado (2001)e doutorado em Medicina Veterinária(Higiene.Veterinária e.Processamento Tecnológico Produtos de Origem Animal) pela Universidade Federal Fluminense ( 2007). Atua como pesquisador da Empresa de Pesquisa Agropecuária do estado do Rio de Janeiro. Foi professor titular do curso de farmácia e mestrado do Centro Universitário Augusto Motta; do Curso de Irradiação de Alimentos na Faculdade de Med. Vet/UFF e professor de Controle Físico-química na Faculdade de Farmácia da UFF. Tem experiência na área de Ciência e Tecnologia de Alimentos, com ênfase em Tecnologia de Produtos de Origem Animal, atuando principalmente nos seguintes temas: físico-química e microbiologia de alimentos, segurança dos alimentos, processamento tecnológico de alimentos, irradiação gama, melhoria da qualidade de vida e em homeopatia aplicada aos animais de produção. 

Lucas Rangel Luquez, Empresa de Pesquisa Agropecuária do Estado do Rio de Janeiro

quez

Formado em Biomedicina pelo Centro Universitário Anhanguera De Niterói (UNIAN) habilitado em Análises Clínicas, Bromatologia e Microbiologia dos Alimentos . Especialista em Docência Do Ensino Superior pela AVM no campus da Universidade Cândido Mendes (UCAM) em Niterói. Especializando em Segurança Alimentar e Nutricional na Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO). Mestrando em Segurança Alimentar e Nutricional na Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO). Realizo um trabalho na Pesagro-Rio no Laboratório CEPQA nas áreas de Bromatologia e Microbiologia de Alimentos como Bolsista da FAPERJ em Treinamento e Capacitação. Tutor do Curso Semi-presencial de Nutrição na UNOPAR no Polo do Centro do Rio de Janeiro.

References

AOAC. (2005). Official methods of analysis of the Association Analytical Chemists. 18.ed. Gaithersburg, Maryland.

Brasil. (2005). Ministério da Saúde, Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Anvisa. (2005). Regulamento técnico sobre a ingestão diária recomendada (IDR) de proteína, vitaminas e minerais (Resolução RDC nº 269, de 22 de setembro de 2005). Diário Oficial da República Federativa do Brasil.

Brasil. (2001). Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Resolução nº 12 de 2 de janeiro de 2001. Disponível em: . Brasília: 2001. Acesso em: 12 de agosto de 2020.

Brasil. (2010). Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (CONSEA). Segurança Alimentar e Nutricional e o Direito Humano à Alimentação Adequada no Brasil. Braília. Ministério da Saúde.

Brasil. (2004). RESOLUÇÃO-RDC N° 216, DE 15 DE SETEMBRO DE 2004. Dispõe sobre Regulamento Técnico de Boas Práticas para Serviços de Alimentação. D.O.U. - Diário Oficial da União; Poder Executivo, de 16 de setembro de 2004.

Celestino, S. M. C. (2010). Princípios de Secagem de Alimentos. Embrapa Cerrados, Planaltina. 2010.

Chapaval, L.et al. (2009). Cultura, crescimento e identificação de bactérias do gênero staphylococcus aureus em leite de cabra. Circula técnica 41, on line, Sobral: Embrapa caprinos e ovinos, 5 p.

Feix, R. D.; Abdallah, P. R.; Figueiredo, M.R.C. (2006). Resultado econômico da criação de rã em regiões de clima temperado, Brasil. Informações econômicas, São Paulo, vol 36, n. 3. P: 70-80.

Fidelis, I. M. G. (2004). Qualidade proteica e biodisponibilidade de ferro e cálcio em carne de rã-touro (Rana catesbeiana, Shaw 1802). 2004. 107f. [dissertação de mestrado]. Viçosa: Universidade Federal de Viçosa.

Fragoso, S. P. (2012). Avaliação de características físico-químicas da carne de rã-touro (Lithobates catesbeianus) liofilizada de pigmentação normal e albina. 2012.89f. (Dissertação de Mestrado). Bananeiras. Universidade Federal da Paraíba.

Gonçalves, A. A. & Otta, M. C. M. (2008). Aproveitamento da carne da carcaça de rã-touro gigante no desenvolvimento de hambúrguer. Revista Brasileira de. Engenharia de Pesca. v. 3, n. 2. p: 8-15.

Goodman, D.; Sorj, B.; Wilkinson, J. (2008) Da lavoura às biotecnologias: agricultura e indústria no sistema internacional [online]. Rio de Janeiro: Centro Edelstein de Pesquisas Sociais,. 204 p.

Hoffmann, R. (2004). Determinantes da Insegurança Alimentar no Brasil: Análise dos Dados da PNAD de 2004. Revista de Nutrição, v. 15. n.1 p:49-61.

Ide, L. K. (2017) Ampliação da utilização da carcaça de rã-touro com introdução na culinária asiática. 104p. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Local). Centro Universitário Augusto Motta, Rio de Janeiro, 2017.

Larsen, T. et al. (2000). Whole small fish as a rich calcium source. British Journal of Nutrition, v.3, p.191-196.

Nascimento, R.; Mello, S. C. R. P.; Seixas Filho, J. T. (2017). Manual prático para criação de rãs com reuso de água: girinagem e metamorfose. Rio de Janeiro: SUAM, 82 p.

Noll, I. B. & Lindau, C.F. (1987). Aspectos da composição em nutrientes da carne de rã–touro gigante (Rana catesbeiana). Porto Alegre. Cadernos de Farmácia, v.3, n.1/2, p.29-36.

Oliveira, T. C. (2007). Potencial alergênico da carne de rã submetida a diferentes. processamentos. 2007. 91f. [Dissertação de Mestrado] Universidade Federal de Viçosa.

Seixas Filho, J. T.; Pereira, M. M.; Mello, S. C. R. P. (2017). Manual de Ranicultura para o Produtor. Rio de Janeiro: Fundação Instituto de Pesca do Estado do Rio de Janeiro (Fiperj). 155 p.

Terroni, H. C. et al. (2013) Liofilização. Revista Científica UNILAGO. 2013. Disponível em: http://www.unilago.edu.br/revista/edicaoanterior/Sumario/2013/downloads/2013/LIOFILIZA%C3%87%C3%83O.pdf. Acesso em: 05 agosto de 2020.

Veit, J. C. et al. (2012). A. Desenvolvimento e caracterização de bolos de chocolate e de cenoura com filé de Tilápia do Nilo (Oreochromis Niloticus). Araraquara, Alimento e Nutrição, v. 23, n. 3, p. 427-433.

Vidal, A.M. et al., A ingestão de alimentos funcionais e sua contribuição para a diminuição da incidência de doenças. Aracaju. Cadernos de Graduação. v. 1, n.15, p. 43-52.

Published

27/09/2020

How to Cite

LOPES, R. . S. .; SEIXAS FILHO, J. T. de; MELLO, S. C. R. P. .; RODRIGUES, E.; LUQUEZ, L. R. . Innovative nutrition: lyophilized and powdered bullfrog meat for use as a food supplement. Research, Society and Development, [S. l.], v. 9, n. 10, p. e3079107849, 2020. DOI: 10.33448/rsd-v9i10.7849. Disponível em: https://www.rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/7849. Acesso em: 8 aug. 2022.

Issue

Section

Agrarian and Biological Sciences