Biology in science teaching periodicals: an analysis of theoretical trends

Authors

DOI:

https://doi.org/10.33448/rsd-v9i6.3624

Keywords:

Research in Biology Teaching; Scientific production; State of the art.

Abstract

This paper aimed to identify and analyze how much of biology is present in science teaching periodicals, and what the theoretical trends of these researches are. Initially, we selected Science Teaching and Education journals that had the term biology teaching in their scope, resulting in nine journals. From these, articles published in 2018, which deal with the teaching of Biology, were selected. The analysis of the theoretical trends of the articles was characterized by descriptors, supported by the state of the art methodology, including privileged content area, school level, and thematic focus of the research. We found a higher prevalence of General Biology research, followed by Environmental Education and the Environment. We also identified a concentration of research in high school and higher education, and thematic focus on the content-method relationship, followed by teacher education. It is noteworthy that works of this nature are indispensable because they allow an overview of the academic production of research in the teaching of Biology, in order to promote the dissemination of scientific research of thematic focuses, as well as verify gaps and new research demands in specific areas, less explored in its teaching and learning process.

Author Biographies

Jéssica Engel do Nascimento, Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Doutoranda em Educação em Ciências e Educação Matemática pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE (2018). Mestra em Educação pelo programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE (2016-2018). Graduada em Ciências Biológicas Licenciatura Plena pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE (2011 - 2016). Colaboradora e integrante do projeto Comunidades de Prática de Biologia: pesquisa e ensino - CoP, na qual são realizadas discussões, grupos de estudo e pesquisas no âmbito do ensino de ciências e biologia pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE (2016). Integrante do grupo de educação em ciências e biologia - GECIBIO, realizando grupo de estudos e discussões referentes ao ensino de ciências e biologia pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE (2014 - 2016). Bolsista do Projeto Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência - PIBID apoiado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES (2014 - 2016). Professora estagiária no laboratório de ciências do município de Cascavel (2015 - 2016). Estagiária no Laboratório de Análises Clínicas, Ensino, Pesquisa e Extensão - LACEPE, desenvolvendo trabalhos de auxílio laboratorial no Hospital Universitário do Oeste do Paraná - HUOP (2014 - 2015). Exerceu função como estagiária no Instituto Ambiental do Paraná - IAP, desenvolvendo trabalhos na área administrativa, operacional e de educação ambiental (2011 - 2013).

 

Kamilla Zabotti, Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Licenciada em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE). Mestre em Educação, linha de pesquisa Ensino de Ciências e Matemática pela UNIOESTE. Doutoranda do programa de pós graduação em Educação em Ciências e Educação Matemática na UNIOESTE. Integrante do Grupo de Pesquisa em Educação em Ciências e Biologia (GECIBIO). Atua na área de Ensino de Ciências, tendo como temática ensino da Origem da Vida e Evolução Biológica.

Luciana Borowski Pietricoski, Universidade Federal da Fronteira Sul

Formada em Ciências Biológicas Licenciatura Plena/Bacharelado pela Universidade de Passo Fundo (2003), Mestre em Biologia Celular e Molecular pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (2006) e Doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Educação Matemática. Atua como Docente da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), campus Realeza-PR. .

 

Márcia Borin da Cunha, Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Graduação em Química Licenciatura Plena pela Universidade Federal de Santa Maria (1985), mestrado em Educação pela Universidade Federal de Santa Maria (1999), doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo (2010) e Pós-doutorado em Educação pela Universidade Federal de São João del-Rei (2015). Atualmente é professor associado da Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Unioeste no curso de Química Licenciatura, Campus de Toledo. Docente do Programa de Pós-Graduação em Educação, Campus de Cascavel, Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Educação Matemático, Campus de Cascavel. Coordenadora do Núcleo de Ensino de Ciências, NECTO, Unioeste. Coordenadora do Grupo de Estudos, Pesquisa e Investigação em Ensino de Ciências (GEPIEC), Unioeste, Campus de Toledo. Temas de pesquisa: Ensino de Ciências e Química, material didático, educação ambiental, divulgação científica, espaços não formais/museus, Teoria sociocultural de Vigotski, discurso da ciência em Bakhtin, Ensino por investigação, Fotografia científica didática, argumentação, História da Ciência,.

 

Lourdes Aparecida Della Justina, Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Licenciada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Santa Maria (1998). Mestre em Educação pela Universidade Federal de Santa Catarina (2001). Doutora em Educação para a Ciência pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2011). É uma das líderes do Grupo de Pesquisa em Educação em Ciências e Biologia. Professora da Universidade Estadual do Oeste do Paraná, atuando na área de Educação em Ciências, principalmente nos seguintes temas: avaliação nos processos de ensino e aprendizagem; formação de professores e história e epistemologia do conhecimento científico.

 

References

Alves-Mazotti, A. J. (2001). Relevância e aplicabilidade da pesquisa em educação. Cadernos de pesquisa, (113), 39-50.

Araújo, J. N., Silva, C. D., & Terán, A. F. (2011). A Floresta Amazônica. Um Espaço Não Formal em Potencial para o Ensino de Ciências. In: Encontro Nacional De Pesquisa Em Educação Em Ciências (Enpec). Anais... do VIII ENPEC.

Araujo, E. S. N. N. De; Caluzi, J. J.; Caldeira, A. M. A. (2006) Divulgação e cultura científica. In: Araújo, E. S. N. N.; Caluzi, J. J.; Caldeira, A. M. A. (Orgs.). Divulgação científica e ensino de ciências: estudos e experiências. São Paulo: Escrituras, 2006. p. 15-32.

Batista, I. D. L. (2007). Reconstruções histórico-filosóficas e a pesquisa em educação científica e matemática. In: Nardi, R. (Org.). A pesquisa em ensino de ciências no Brasil: alguns recortes. São Paulo: Escrituras Editora, 257-272.

Bonzanini, T. K., & Bastos, F. (2009). Formação continuada de professores de ciências: algumas reflexões. Encontro Nacional De Pesquisa Em Educação Em Ciências (ENPEC). Anais... Florianópolis: ABRAPEC, 2009. p. 1-12.

Brasil. Ministério da Educação (20118). Base Nacional Comum Curricular: Educação é a base, Ensino Médio. Brasília: MEC.

Brasil. Ministério da Educação (2000). Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino Médio. Brasília: MEC, 2000.

Brasil. Ministério da Educação (1998). Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: apresentação dos temas transversais. (3º e 4º ciclos). Brasília: MEC/SEF.

Carvalho, L. M. (2006). A temática ambiental e o processo educativo: dimensões e abordagens. In: Cinquetti, H. C. S.; Logarezzi, A. (Org.). Consumo e resíduo: fundamentos para o trabalho educativo. São Carlos: EdUFSCar. p. 18-41.

El-Hani, C. N. (2006). Notas sobre o ensino de história e filosofia da ciência na educação científica de nível superior. In: Silva, C.C. (org.) Estudos de história e filosofia das ciências: subsídios para aplicação no ensino. São Paulo: Livraria da Física, p. 3-21.

Grün, M. (1996). Ética e educação ambiental: a conexão necessária. Campinas: Papirus, 1996.

Krasilchik, M. (1986). Perspectivas do ensino de Biologia. II Encontro – Perspectivas do Ensino de Biologia. Coletânea. São Paulo: Faculdade de Educação - USP, p. 5-14.

Krasilchik, M. (2008). Prática de Ensino de Biologia. 4 ed. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo.

Krasilchik, M. (2004). Prática de Ensino de Biologia. 4 ed. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo.

Marandino, M.; Selles, S. E.; Ferreira, M. S. (2009). Ensino de Biologia: Histórias e Práticas em Diferentes Espaços Educativos. São Paulo: Cortez.

Martins, A. F. P. (2007). História e Filosofia da Ciência no Ensino: há muitas pedras nesse caminho… Caderno Brasileiro de Ensino de Física, Florianópolis. v. 24, n. 1, p. 112-131.

Mayr, E (2005). Biologia, ciência única. São Paulo: Companhia das Letras.

Medeiros, A.J.G. (2007). A história da ciência e o ensino da Física moderna. In: Nardi, R. (Org.). A pesquisa em ensino de ciências no Brasil: alguns recortes. 2 ed. São Paulo: Escrituras, p. 273-292.

Megid Neto, J. (2009). Educação ambiental como campo de conhecimento: a contribuição das pesquisas acadêmicas para sua consolidação no Brasil. Pesquisa em Educação Ambiental. Ribeirão Preto. v. 4, n. 2, p. 95-110.

Megid Neto, J. (1999). Tendências da pesquisa acadêmica sobre o ensino de Ciências no nível fundamental. Tese (Doutorado) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Estadual de Campinas. Campinas.

Meyer, D.; El-Hani, C. N. (2005). Evolução: o sentido da biologia. São Paulo: Editora UNESP.

Mortimer, E. F. Uma agenda para a pesquisa em Educação em Ciências. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências. Belo Horizonte. v. 2, n. 1, p. 36-59, 2002.

Nascimento, J. E. (2018). Percepções de educação ambiental e meio ambiente de estudantes do curso de formação docente em nível médio de Santa Helena/PR. 193 f. Dissertação (Mestrado) - Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Estadual do Oeste do Paraná – UNIOESTE. Cascavel.

Nóvoa, A. (2001). O futuro presente dos professores: dilemas da profissão e da formação docente. Palestra apresentada no Simpósio Internacional Crise da Razão e da Política na Formação Docente. Rio de Janeiro, 2001.

Sales, A. B.; Oliveira, M. R.; Landim, M. F. (2011). Tendências atuais da pesquisa em Ensino em Biologia: uma análise preliminar de periódicos nacionais. In: Colóquio Internacional: Educação E Contemporaneidade. Anais… São Cristovão: UFES, 2011. p. 1-15.

Saucedo, K. R. R.; Pietrocola, M. (2019). Características de pesquisas nacionais e internacionais sobre temas controversos na Educação Científica. Ciência e Educação, Bauru, v. 25, n. 1, p. 215-233.

Selles, S. E; Ferreira, M. S. (2005). Disciplina escolar Biologia: entre a retórica unificadora e as questões sociais. In: Marandino, M.; Ferreira, M. S; Amorim, A. C. (Org.). Ensino de Biologia: conhecimentos e valores em disputa. Eduff.

Slongo, I. I. P.; DelizoicoV, D. (2010). Teses e Dissertações em Ensino de Biologia: uma análise histórico-epistemológica. Investigação em Ensino de Ciências. Porto Alegre, v. 15, n. 2, p. 275-296, 2010.

Slongo, I. I. P. (2005). História da ciência, ensino de biologia e formação de professores. In: I Encontro Nacional de Ensino de Biologia. Anais... Rio de Janeiro: SBEnBio, 2005. p. 794-798.

Smocovitis, V. B. (1992). Unifying biology: The evolutionary synthesis and evolutionary biology. Journal of the History of Biology, 1992.

Teixeira, P. M. M. (2008). Pesquisa em Ensino de Biologia no Brasil (1972 a 2004): Um estudo baseado em dissertações e teses. 2008. 406 f. Tese (Doutorado) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Estadual de Campinas. Campinas, 2008.

Teixeira, P. M. M.; Silva, M. G. B.; Anjos, M. S. (2009). 35 anos de pesquisa em Ensino de Biologia no Brasil: um estudo baseado em Dissertações e Teses (1972-2006). In: Encontro Nacional De Pesquisa Em Educação Em Ciências (ENPEC) Anais... Florianópolis: ABRAPEC.

Teixeira, P. M. M; Megid Neto, J. (2017). A Produção Acadêmica em Ensino de Biologia no Brasil – 40 anos (1972–2011): Base Institucional e Tendências Temáticas e Metodológicas. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências. v. 17, n. 2, p. 521-549.

Zabotti, K. (2018). Um estudo sobre o ensino dos temas “origem da vida” e “evolução biológica” em dissertações e teses brasileiras (2006 a 2016). 2018. Dissertação (Mestrado) - Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Estadual do Oeste do Paraná. Cascavel-PR.

Published

19/04/2020

How to Cite

NASCIMENTO, J. E. do; ZABOTTI, K.; PIETRICOSKI, L. B.; CUNHA, M. B. da; JUSTINA, L. A. D. Biology in science teaching periodicals: an analysis of theoretical trends. Research, Society and Development, [S. l.], v. 9, n. 6, p. e103963624, 2020. DOI: 10.33448/rsd-v9i6.3624. Disponível em: https://www.rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/3624. Acesso em: 30 jan. 2023.

Issue

Section

Education Sciences